A tocha foi acesa na Grécia dia 21 de Abril e o ex-jogador de vôlei Giovani Gávio deu início ao revezamento
Crédito: Roberto Castro

A Prefeitura de Indaiatuba convida toda a população a prestigiar o momento histórico da passagem do Revezamento da Tocha Olímpica por Indaiatuba no próximo dia 21 de julho, quinta-feira, em horário estimado das 7h30 às 9h30. Todo o trajeto será interditado para trânsito e estacionamento entre 5h e 9h, garantindo assim que o público tenha tranquilidade e segurança para se posicionar ao longo das ruas que compõem o percurso e assistir ao evento, conferindo de perto o maior símbolo dos Jogos Olímpicos. O comboio com o primeiro condutor sairá da Avenida Presidente Vargas, na altura da Rua Armando Salles de Oliveira, dando início ao revezamento a cada 200 metros que percorrerá a Vargas, entrará na Rua 24 de maio, seguirá pelas ruas 15 de Novembro, Bernardino de Campos, Candelária e 24 de Maio novamente, descendo então até Avenida Fábio Roberto Barnabé, onde atravessará o Parque Ecológico rumo ao Paço Municipal, onde o trajeto terminará com uma solenidade. Conforme determinação do Comitê Organizador dos Jogos Olímpicos Rio 2016, a última tocha acesa poderá ficar no local de encerramento por até 15 minutos. Na sequência, o comboio segue para a próxima cidade da programação. Para celebrar a data única, a população poderá conferir ainda atrações especiais durante a passagem da Tocha, com apresentação da Corporação Musical Villa Lobos na Praça Dom Pedro II, grupo de dança do Sesi na Praça Prudente de Moraes e aula de zumba em frente à Prefeitura. “Para estar entre as 329 cidades escolhidas para compor o revezamento, Indaiatuba teve que assumir uma série de compromissos relativos à estrutura e apoio necessários aos comboios, em acréscimo ao nosso histórico de investimentos e muito trabalho sério na área esportiva”, destaca o secretário municipal de Esportes Humberto Panzetti. “É um grande orgulho integrarmos este grupo restrito de municípios e convido a todos a reunir a família e os amigos e compartilharem juntos este fato histórico”, finaliza.